sexta-feira, 27 de abril de 2018

Justiça peruana ordena libertação do ex-presidente Humala e de sua esposa

As surpreendentes boas notícias desta sexta-feira. Peru dá lição democrática ao Brasil. 

Jacqueline Fowks, Lima 26 ABR 2018 - 21:08 BRT, El País.    

O ex-presidente do Peru Ollanta Humala e a ex-primeira-dama Nadine Heredia, em prisão preventiva em Lima desde julho de 2017, serão libertados. O Tribunal Constitucional aceitou um pedido de habeas corpus apresentado pela defesa dos políticos, segundo informou nesta quinta-feira o presidente da Corte, Ernesto Blume.
Ano passado, o juiz Richard Concepción Carhuancho ordenou a prisão preventiva durante 18 meses para ambos, a pedido do Ministério Público, que os investiga por lavagem de dinheiro e organização criminosa, em razão das contribuições ilegais que receberam nas campanhas eleitorais de 2006 e 2011. Os fundos provinham sobretudo da construtora Odebrecht, envolvida em casos de corrupção em toda a América Latina.

Clique aqui para ler a íntegra no El País.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.