quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Mais um tribunal de exceção

Depois que os vampiros provam sangue, querem sempre mais, é o que diz a lenda. O autoritarismo também. Foi assim na escalada do nazismo, foi assim no golpe de 64 e está sendo assim agora com esse novo judiciário de exceção, que apela até para a lei de segurança nacional, da ditadura. O julgamento do "mensalão", em que Joaquim Barbosa revirou de cabeça para baixo a justiça e o STF aceitou, deu o exemplo, e pelo visto movimentos sociais e militantes agora passam a ser perseguidos com rigor. Conhecemos a justiça brasileira e seu rigor, sabemos que ela é seletiva (os réus do "mensalão" mineiro, por exemplo, continuam aguardando julgamento -- haverá? -- com todas as regalias, como direito a dois tribunais, enquanto os petistas foram julgados diretamente no tribunal do Barbosa) e desconfiamos dos seus propósitos, pois nunca vimos o mesmo rigor funcionar para os ricos e políticos de direita. Liberdade de pensamento -- nunca é demais lembrar essa lição liberal elementar -- é sempre para quem pensa diferente de nós.

Do blog da Fist.  
Jair Baiano submetido a tribunal de exceção
Negada a liberdade de Jair Seixas em um jogo de cartas marcadas comandada pela polícia, pelo governador e pela presidente da República.
O objetivo é criminalizar a Frente Internacionalista dos Sem Teto – Fist, pois, esta se coloca contra as remoções e despejos e contra os criminosos leilões do petróleo e do xisto, um dos pilares do sistema capitalista. Não há uma prova sequer contra o membro de nossa entidade, não há uma foto sequer ligando-o a qualquer ato criminoso.
Qual a quadrilha a que Jair Seixas pertence? Será o nosso movimento a tal quadrilha internacional a que se referiu o governador? Como ligá-lo a Black Blocs, se nunca ele andou mascarado? A única foto mostrada no processo aparece Baiano segurando um objeto, que pode ser um mastro de bandeira, uma bengala ou uma barra de ferro.Qual o crime de andar com esse objetos? Daqui para frente, Jair estará sendo defendido pelos advogados da Fist, sendo que no dia 16/12/13 às 14h ocorrerá a Audiência de Instrução e Julgamento na 14ª Vara Criminal.
A íntegra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.