quarta-feira, 22 de maio de 2013

Marina Silva e o deputado Feliciano

Por que todo mundo que sai do PT vai para a direita? Essa Marina Silva está cada vez pior. E é contraditória e oportunista, como mostra este artigo. 

Do Diário do Centro do Mundo.
Marina Silva e Marco Feliciano são, essencialmente, a mesma coisa? 
Kiko Nogueira
O que está por trás da defesa do deputado do PSC.
Marina Silva, você sabe, saiu numa defesa atabalhoada do deputado Marco Feliciano. Como afirmamos no Diário, num post que se tornou viral, foi o fim de uma promessa de renovação. Numa longa e confusa peroração sobre o estado laico, em que cita a Bíblia algumas vezes, ela disse o seguinte no auditório da Universidade Católica de Pernambuco: "Feliciano está sendo criticado por ser evangélico e não por suas posições políticas equivocadas".
"Se porventura ele fosse ateu, eu não gostaria de dizer que as posições equivocadas dele eram porque ele é ateu." Fez analogias semelhantes com judeus e espíritas.
Diante da reação negativa, tentou se emendar. Disse no Twitter que suas palavras foram distorcidas e deu o link de uma matéria do mês passado, em que afirmava que o pastor é despreparado para a Comissão de Direitos Humanos.
Embora se apresente como uma alternativa a “tudo isso que está aí”, num partido que não é, segundo ela mesma, de direita e nem de esquerda, Marina não é, essencialmente, diferente de Feliciano em suas convicções. Feliciano talvez seja apenas mais tosco e transparente em seu obscurantismo.
A íntegra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.