segunda-feira, 8 de setembro de 2014

Nota de solidariedade aos 66 tuiteiros perseguidos por Aécio

Minas Sem Censura mais uma vez é uma rara voz a defender a liberdade de expressão em Minas dos ataques tucanos.

Do blog Viomundo. 
Rogério Correia: Abaixo a criminalização dos que ousam dizer a verdade!
publicado em 8 de setembro de 2014 às 15:15 

Nota em solidariedade aos 66 twitteiros perseguidos por Aécio Neves
O mandato Rogério Correia vem a público prestar solidariedade aos 66 internautas perseguidos pelo candidato Aécio Neves por, supostamente, disseminar em suas contas pessoais na rede social Twitter o que, de acordo com o candidato, seriam "mentiras e ofensas" contra ele. A ação judicial impetrada pelo candidato do PSDB contra o Twitter traz argumentos jurídicos falaciosos para, mais uma vez, colocar em prática a política de censura e perseguição já levada a cabo por Aécio e seus aliados em Minas Gerais.
A medida judicial, com "ares de ditadura", não é nenhuma novidade para os mineiros, que vivem sob um Estado de Exceção frequente há anos. Enquanto deputado de oposição na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, acompanhamos casos escabrosos, como o do jornalista Marco Aurélio Carone, preso preventivamente há mais de seis meses por tentar violar a censura aecista ao publicar em seu jornal online denúncias contra o tucano.
Fui, junto com o deputado Sávio Souza Cruz (PMDB), um dos fundadores do Bloco Minas Sem Censura, que já trazia no nome a vontade política de acabar com o Estado de Exceção tucano em Minas Gerais. Denunciamos a subserviência dos órgãos fiscalizadores do Estado (Ministério Público e Tribunal de Contas) às administrações tucanas e o papel vergonhoso da imprensa mineira, controlada com mãos de ferro pela irmã de Aécio, Andrea Neves.
A íntegra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.