sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Deus nos livre dos investimentos da Bunge!

Dilma segue Lula, fazendo um governo para todos: para trabalhadoras rurais (mas sem reforma agrária) e para o agronegócio, um dos queridinhos do governo. Investimento da Bunge significa mais devastação ambiental, entre outras coisas ruins. Do jeito como são apresentados, investimentos de gigantes multinacionais parecem presentes para o País. Na verdade são apenas atestados de que aqui elas ganham muito dinheiro.

Presidenta Dilma recebe CEO da Bunge, que anuncia investimento de US$ 2,5 bilhões no Brasil
Em reunião com a presidenta Dilma Rousseff nesta quinta-feira (18/8), no Escritório Regional da Presidência da República em São Paulo, o presidente mundial da Bunge, Alberto Weisser, anunciou um plano de investimentos de US$ 2,5 bilhões no setor de açúcar e bioenergia no Brasil. De acordo com a empresa, os investimentos – para o período 2012-2016 – serão voltados, principalmente, para a expansão industrial das oito usinas do grupo. A expectativa da Bunge é aumentar em 50% a capacidade de processamento total, atingindo 30 milhões de toneladas de cana-de-açúcar por ano para a produção de açúcar, etanol e energia elétrica. A capacidade de geração de energia das usinas Bunge será suficiente para abastecer uma cidade de até 4 milhões de habitantes, segundo a empresa. Os investimentos incluem também a área agrícola, máquinas, equipamentos para plantio e manutenção.
A íntegra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.