segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Tercerização elimina direitos trabalhistas

Grande parte dos trabalhadores perdeu direitos com a terceirização neoliberal e a situação pode ficar pior, se for aprovado o Projeto de Lei 4.330/04.

Da Radioagência NP.
Terceirização emprega milhões, mas não garante direitos
Trabalho terceirizado emprega, principalmente, pessoas de baixa escolaridade, migrantes ou filhos de migrantes. Entre os setores que mais terceirizam estão o da saúde, construção civil e bancário
Mais de 8 milhões de pessoas trabalham como terceirizadas e existem cerca de 31 mil empresas que prestam essa modalidade de serviço no país, segundo o Ministério Público do Trabalho. Pesquisas apontam que a terceirização é responsável pelo aumento do número de acidentes de trabalho e por dificuldades para os contratados garantirem seus direitos.
O trabalho terceirizado emprega, principalmente, pessoas de baixa escolaridade, migrantes ou filhos de migrantes; além de afetar mais as mulheres. Entre os setores que mais terceirizam estão os da saúde, da construção civil e bancário.
A íntegra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.