sábado, 22 de março de 2014

R$ 30 milhões em balas de borracha para atirar no povo durante a Copa

Faz parte da decadência do futebol brasileiro. E é o pior do governo do PT, que se aliou à Fifa, à CBF e à Globo.

Do Blog do Rodrigo Mattos no Uol.  
Para Copa, governo compra 2.691 armas de balas de borracha. Gasto: R$ 30 mi
O governo federal comprou um total de 2.691 kits com armas de balas de borracha e munição para distribuir a policiais para combater protestos na Copa-2014. O investimento total é de R$ 30 milhões, e representa apenas uma parte do gasto com armas não-letais. Impedir que manifestações afetem o Mundial e seus torcedores é uma das prioridades da União na segurança do evento.
Desde o início do protestos da Copa das Confederações, a União começou a adquirir armamento não-letal, realizando três compras com a empresa Condor Tecnologias não-letais, com sede no Rio de Janeiro. A primeira leva de equipamentos foi fornecida sem licitação por conta da urgência da competição do ano passado. As outras duas licitações foram vencidas pela mesma empresa, que vende para o exterior.
A íntegra.

OUTRAS NOTÍCIAS:
Galo: ingresso de espetáculo e futebol de várzea
Mineradora destrói em Minas impunemente
Coronel revela o que a ditadura fazia com mortos sob tortura
Meritocracia, classe média e fascismo
Teles ameaçam liberdade na internet  
Celton, super-herói dos belo-horizontinos
Dodora, Dilma e a tortura
Agronegócio é exemplo?
Em Varginha, Lula é aclamado por estudantes e operários
Pimentel X Pimenta

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.