sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Folha e Veja na TV Cultura

Dois pesos e duas medidas no noticiário da velha imprensa, como sempre: TV Brasil (federal) é ruim, TV Cultura (paulista) é boa. O segundo fato é partidarização dos veículos de comunicação. Em SP, o governo tucano abre espaço para os veículos impressos que o apoiam. É preciso esclarecer que a TV Brasil, ao contrário da TV Cultura, da TV Minas e de outras emissoras públicas, não é usada pelo governo federal, tem autonomia de programação e liberdade de expressão, como se pode constatar, assistindo-a. Inclusive, abre espaços para a programação das tevês públicas estaduais. O canal do governo federal é outro, canal 2 da Net, assim como o Judiciário, o Senado e a Câmara federal têm os seus.

Folha e Veja terão espaço na TV Cultura: parceria com os tucanos agora é oficial

3/2/2012
por Rodrigo Vianna
A Folha já pediu, em editorial, o fechamento da TV Brasil, emissora pública criada pelo governo federal. O motivo alegado pelo jornal: audiência baixa. "Os vícios de origem e o retumbante fracasso de audiência recomendam que a TV seja fechada – antes que se desperdice mais dinheiro do contribuinte." A mesma Folha anuncia agora – de forma discreta, diga-se – uma curiosa "parceria" com a TV Cultura de São Paulo – emissora igualmente pública, mantida principalmente com dinheiro do contribuinte paulista. Tenho orgulho de ter trabalhado na TV Cultura nos anos 90, à época sob a presidência do ótimo Roberto Muylaert. Mas o fato é que a Cultura também não tem uma audiência maravilhosa. Nos últimos anos, os índices só caíram. Mas aí a Folha não vê problema. Ao contrário, torna-se aliada da TV.
A íntegra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.