sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Putin de lingerie ou a democracia russa

konstantin altunin
O governo russo não tolera liberdade: artistas que não seguem a cartilha de Stalin-Putin têm de fugir ou vão presos.

Do Público.
Artista russo procura asilo depois de pintar Putin de lingerie 
Konstantin Altunin, autor de Travesti, a polêmica pintura em que o presidente russo Vladimir Putin e o primeiro-ministro Dmitri Medvedev aparecem em lingerie, fugiu da Rússia e procura agora asilo. A notícia foi dada esta quarta-feira por Aleksandr Donskoi, proprietário do Museu do Poder, onde foi exibida a obra, que entretanto foi apreendida pela polícia.
Estes acontecimentos surgem da controversa lei de Putin contra os homossexuais, que tem despertado as mais variadas reacções de todas as áreas, dentro e fora da Rússia. Alguns dos episódios mais recentes aconteceram nos mundiais de atletismo, onde por exemplo duas atletas russas se beijaram no pódio.
Travesti, onde Putin aparece a pentear o cabelo de Medvedev, gerou desde logo polêmica, levando as autoridades russas a apreender o quadro na segunda-feira, assim como outras três obras satíricas também de Konstantin Altunin. As autoridades classificaram estas obras de arte como "extremistas" mas não explicaram que leis terão sido violadas para desencadear esta acção. O The Guardian lembra que há uma lei russa que proíbe que figuras do Estado sejam insultadas e outra que proíbe a "propaganda homossexual".
A íntegra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.