quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

O golpe contra os trabalhadores

A ditadura de 64-85 se instalou com dois golpes: o primeiro, em 64, contra os trabalhadores, representados então pelo PTB do presidente Jango; o segundo, em 68, contra as classes médias, principalmente estudantes, que tinham apoiado o primeiro golpe.
O Estádio Nacional do Chile não foi o único nem o primeiro a ser usado para prisão em massa de oposicionistas. O Brasil deu o exemplo e exportou o golpe e a tortura para a América do Sul.

Da Agência Brasil.
Ditadura militar torturou desde os primeiros dias do regime, indica pesquisa 
Vladimir Platonow 

Rio de Janeiro – Uma pesquisa feita por alunos de mestrado em história e direito da Pontifícia Universidade Católica do Rio (PUC-Rio), a pedido da Comissão Nacional da Verdade e da Comissão Estadual da Verdade, mostrou que violações aos direitos humanos ocorreram desde os primeiros dias da ditadura militar instalada no país (1964-1985).
"Houve tortura desde o início do golpe e também prisões em massa, feitas a partir de listas previamente preparadas por delegacias. Eram levados para estádios de futebol, que pudessem guardar esse conjunto de detentos, que não cabiam mais nas delegacias", disse o professor da PUC Marcelo Jasmin, coordenador do levantamento cujos dados preliminares foram divulgados hoje (18/12/13).
A íntegra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.