quinta-feira, 14 de março de 2013

O impeachment do procurador-geral Gurgel

Também conhecido como engavetador-geral, por engavetar todas as denúncias contra seus amigos tucanos, e inepto-geral, por apresentar a pior denúncia num processo, o do "mensalão", que não continha nenhuma prova contra os acusados. Entre as investigações que engavetou está aquela em que o senador Aécio Neves é acusado de destinar recursos públicos para empresas da sua família.

Do Consultor Jurídico.  
Pedido de impeachment de Gurgel é protocolado no Senado
Por Pedro Canário
Foi protocolada na manhã desta terça-feira (12/3), na Mesa Diretora do Senado, um pedido de impeachment do procurador-geral da República, Roberto Monteiro Gurgel. A acusação é que ele cometeu crime de responsabilidade ao avocar para si três processos em que a governadora do Maranhão, Roseana Sarney, é ré e não ter dado andamento aos casos.
O pedido foi protocolado por Aderson Lago, primo de Jackson Lago (morto em 2011), que foi governador do Maranhão e era opositor ao ex-presidente do Senado José Sarney, pai de Roseana. Hoje senador pelo PMDB do Amapá, Sarney fez sua carreira política no Maranhão. Na petição, Lago afirma que se trata de uma questão fática: todos os processos de competência da Procuradoria-Geral da República em que Roseana Sarney é ré foram avocados por Gurgel.
A íntegra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.