quarta-feira, 20 de março de 2013

Os Jogos Olímpicos e um símbolo ameaçado de extinção

Os Jogos Olímpicos do Rio servem de ilustração para essa contradição capitalista, que vende a competição como uma maravilha cheia de oportunidades para o País. A propaganda dos Jogos inclui um mascote, que é uma coisa muito bonitinha pra mostrar ao mundo um símbolo brasileiro. O muriqui -- o maior primata das Américas, afora os humanos -- é um dos mascotes sugeridos. Aí entra a realidade: ele está em processo de extinção e o Brasil empresarial que destrói o ambiente não se importa com isso. Mas se importa com um mascote para seu evento grandioso. Os Jogos são só negócios.

Do Ciência Hoje On-line.
Mascote em extinção? 
Pesquisadores criam plano de ação para preservar o macaco muriqui. Confira a entrevista concedida por um dos responsáveis pelo projeto à CH On-line.  
Por Mariana Rocha. 
Menos de três mil exemplares. É tudo o que resta do macaco muriqui na Mata Atlântica. Forte candidato a mascote das Olimpíadas de 2016, o primata corre o risco de sumir das florestas por conta do desmatamento desenfreado e da caça para consumo humano. No intuito de reverter esse quadro, pesquisadores traçam estratégias para garantir a sobrevivência do muriqui.
A íntegra.
 
Maior primata não humano das Américas, o muriqui sofre em função do desmatamento desenfreado e da caça para consumo humano. (foto: Sinara Conessa/ Flickr – CC BY 2.0)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.