quarta-feira, 25 de julho de 2012

Servidores protestam por descaso com a agricultura familiar e assentamentos

Enquanto isso, sobra dinheiro para o agronegócio exportador da senadora Kátia Abreu.

Da CartaCapial.
Servidores do Incra e do MDA protestam distribuindo alimentos
Brasília – Servidores do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) distribuíram, nesta quarta-feira 25, 1 tonelada de alimentos como forma de chamar a atenção para as reivindicações da greve que atinge os dois órgãos.
No gramado entre a Praça da República e a Rodoviária do Plano Piloto, região central de Brasília, os manifestantes entregaram kits contendo bananas, laranjas e fubá a quem passava pelo local. De acordo com os organizadores do protesto, trata-se de produtos originários da agricultura familiar e de assentamentos rurais.
Segundo o diretor da Confederação Nacional das Associações de Servidores do Incra (Cnasi), Reginaldo Marcos Aguiar, a doação foi feita em todas as capitais do país e em alguns municípios do interior. "É um ato nacional, realizado em todas as cidades que possuem superintendência do Incra. A expectativa é chegar a 30 toneladas de alimentos distribuídos até o fim do dia", disse.
Aguiar explicou que o objetivo da manifestação foi divulgar o trabalho desenvolvido pelos dois órgãos paralisados. "A gente busca chamar a atenção da população para a desestruturação e a falta de capacidade de levar desenvolvimento aos projetos de assentamento criados pelo Incra e aos agricultores familiares apoiados pelo MDA", declarou. De acordo ele, a verba destinada aos órgãos sofreu corte de 25% em 2012, caindo de R$ 4 bilhões para R$ 3 bilhões. Segundo Aguiar, a redução dificultou o trabalho dos servidores.
A íntegra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.