segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Socorro! O médico chegou!

Em 1996, o Brasil tinha 80 cursos de medicina. Hoje, tem 185. Dos 105 novos, 70% são particulares e formam profissionais incapazes. Quem diz isso é o ex-ministro da Saúde Adib Jatene, certamente a maior autoridade em saúde do País. Ele preside uma comissão do Ministério da Educação que tenta controlar a proliferação de cursos de medicina e forçar a melhoria dos existentes. Jatene, de 82 anos, propôs que os novos médicos sejam obrigados a cumprir dois anos de exercício profissional como clínicos, atuando no programa Saúde da Família, de forma a conhecer a realidade social brasileira antes de se tornarem especialistas. Jatene observou também que grande parte dos problemas brasileiros tem origem na acelerada urbanização combinada com crescimento populacional do País nas últimas décadas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.