terça-feira, 9 de outubro de 2012

Asa partida

O Som Imaginário faz toda diferença nesta música de poesia belíssima (Fagner e Abel Silva), bem anos 70, do álbum Raimundo Fagner (CBS, 1976), provavelmente o melhor do cantor e compositor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.