quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Luciana Genro: Aécio é retrocesso

Da revista Fórum. 
"Nós desaconselhamos o voto em Aécio Neves", diz Luciana Genro
Em coletiva à imprensa, a ex-candidata do PSOL à presidência da República classificou como "barganha política" a busca por apoio em troca de programa de governo
Por Redação

Em coletiva realizada em São Paulo na tarde desta quarta-feira (8), a ex-candidata à presidência da República pelo PSOL, Luciana Genro, declarou que seu partido não apoiará nenhuma candidatura. Como justificativa, Genro disse que a chapa de Aécio Neves (PSDB) representa o "retrocesso" e que Dilma Rousseff (PT) é um "continuísmo conservador".
Especificamente sobre o voto, a ex-deputada federal explicou que, embora não faça aliança com ninguém para o segundo turno, o PSOL libera seus filiados e militantes "para livremente escolherem em que votar". No entanto, refutou o voto no candidato tucano. "Nós desaconselhamos o voto em Aécio Neves", frisou.
Em nota divulgada pelo PSOL, o partido reforça a tese de não apoiar nenhuma das candidaturas, mas faz uma ressalva a respeito do não-voto em Aécio Neves. "Entendemos que Aécio Neves, o seu PSDB e aliados são os representantes mais diretos dos interesses da classe dominante e do imperialismo na América Latina. O jeito tucano de governar, baseado na defesa das elites econômicas e nas privatizações, com a corrupção daí decorrente, significa um verdadeiro retrocesso", diz o texto.
A íntegra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.