domingo, 27 de novembro de 2011

Aliança PSDB-Lacerda em BH será base para candidatura de Aécio em 2014

É o que diz o próprio senador tucano, em entrevista à revista Época. É uma entrevista fraca para um candidato a candidato a presidente, confirmando o que disse seu amigo Ciro Gomes ("Aécio lê pouco e não compreende o País"). Aécio foge das perguntas que o comprometem, como a vez em que foi pego dirigindo sem carteira e se negou a fazer o teste do bafômetro, puxa saco de FHC e, como avestruz, ignora as realizações do governo Lula.

Da revista Época.
Aécio Neves: "Dilma é refém de um governo de cooptação"
Época – O PSDB tem alianças com o PSB em vários estados, inclusive Minas Gerais. O PSB pode ser parceiro dos tucanos em 2014?
Aécio – Tenho uma relação pessoal antiga com o Eduardo (Campos, governador de Pernambuco e líder nacional do PSB). Em determinado momento, ele trouxe um convite do avô dele, Miguel Arraes, para que eu me filiasse e fosse candidato pelo PSB. Acredito que possa ocorrer um encontro natural. Hoje, o PSB tem compromisso com o governo, mas haverá nos estados uma movimentação natural para que setores do PSB e de outros partidos estejam próximos a nós. Chegaremos a 2014 robustos para disputar as eleições, até porque nas eleições municipais faremos muitas alianças com partidos que estão na base de apoio da presidente Dilma. E muitas dessas alianças serão contra candidatos do PT.
A íntegra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.