terça-feira, 23 de julho de 2013

Cemig: o maior imposto do Brasil

Os números estão discriminados no meio da conta, no canto esquerdo: tributos 34,47% e encargos, 5,94%. Já são 40,41% do valor da conta, mas ainda não é o preço final, que está lá embaixo, no canto direito, e sofre um acréscimo inexplicado de 8,7%. No fim das contas, o imposto chega a quase 50%! Pegue sua conta e confira.

Do Anonymous Brasil.
Cemig cobra 42% de imposto nas contas de luz de Minas Gerais
Movimentos populares, sindicalistas, professores, estudantes, trabalhadores sem-terra, agentes de pastorais sociais, atingidos por barragens se uniram para organizar um plebiscito em Minas Gerais. A votação será realizada de 19 a 27 de outubro, com o objetivo de levar à sociedade os questionamentos em relação ao valor da conta de luz praticada pela Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), uma das mais caras dentre os estados brasileiros.
O coordenador geral do Sindicato dos Eletricitários (Sindieletro/MG) e secretário-geral da Central Única dos Trabalhadores (CUT Minas), Jairo Nogueira Filho, destaca que o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) que incide sobre a eletricidade é calculado por um critério chamado 'tributação por dentro', no qual a base de incidência do imposto inclui o próprio imposto, taxas e tributos da conta.
A íntegra.


Cemig cobra 42% de imposto nas contas de luz de Minas Gerais

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.