domingo, 14 de julho de 2013

O casamento da dona baratinha e a mobilidade urbana

O Brasil está cada vez mais parecido com a França de 1789. A turma que se locupleta com o dinheiro público faz festas suntuosas, sem vergonha de se exibir, mas agora quem está comparecendo sem ser convidado não são os paparazzi, e sim o povo, para protestar.

Do Terra.
RJ: manifestante é ferido em protesto em casamento de neta de empresário 
Manifestante foi atingido por um cinzeiro, que teria sido arremessado por um dos convidados da festa
Dezenas de pessoas protestaram entre a noite de ontem e a madrugada de hoje do lado de fora da cerimônia religiosa e da festa de casamento da neta de Jacob Barata, empresário do ramo de transportes no Rio de Janeiro. O custo das tarifas de ônibus foi o estopim para manifestações em várias cidades do Brasil, inclusive no Rio de Janeiro, em junho deste ano. O protesto seguiu pacífico até que um dos manifestantes foi atingido por um cinzeiro, que teria sido arremessado por um dos convidados da festa, de acordo com a Polícia Militar.
A íntegra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.